As últimas atualizações da manhã pela Upside Investor.

Day Triggers

Ações e Informações para você investir

A Cara da Manhã

Economia Internacional

Importante lembrar aos investidores que os mercados são voláteis e que nem sempre se movimentam conforme os fundamentos econômicos

Ásia

Ontem Japão e UE assinaram um acordo de livre comércio, para fazer um contraponto às medidas protecionistas de Trump. Este acordo cria a maior área econômica aberta do mundo. Além do acordo ser interessante economicamente, mostra que o bloco e o país asiático se mostram abertos a negociações de comércio.

Bolsas asiáticas fecharam sem cenário definido, similar a ontem, com Japão positivo (0,43%), enquanto tivemos queda em Hong Kong (-0,23%) e China (-0,39%). Após esta alta o índice Nikkei chegou ao maior patamar dentro de 1 mês, estimulado principalmente pelo setor têxtil e de transporte, além do acordo firmado com a UE.

Europa

Nesta manhã, tivemos a divulgação do IPC (preço ao consumidor/comparação anual) do R. Unido e da UE, que veio abaixo do esperado para o R. Unido, com 2,4% (expectativa de 2,6%) e dentro das expectativas na UE, mantendo 2%. Também foi divulgado o IPP (preço ao produtor) de Bens Intermediários (comparação mensal/jun) no R. Unido, que veio 0,2 pontos percentuais abaixo das expectativas (0,4%, anterior a 2,8%).

Mesmo com resultados abaixo das expectativas, calmaria externa, acordo com o Japão e boas perspectivas do presidente do FED ontem (juros mais altos a cada três meses), ajudaram as bolsas europeias a abrirem em alta generalizada, com maior destaque para Londres com 0,40% (7.656,55 pontos), deixando de lado (de início), os dados abaixo das expectativas.

Economia nos EUA

Ontem o presidente do FED informou que defende alta gradual dos juros, afirmando também que as incertezas causadas pelas tensões comerciais têm dificultado as análises. De maneira geral Powel (presidente do FED) e os companheiros de decisão, acreditam que o mercado de trabalho continuará forte, a inflação vem em linha com as expectativas, e o crescimento econômico estável deve continuar.

Ainda sobre o FED, teremos hoje as 11h mais um depoimento do presidente e será divulgado o Livro Bege (visão econômica do FED e possíveis desafios) as 15h, existindo a possibilidade de mercado mais de lado até a conclusão do depoimento e reagindo no final ao Livro Bege.

O otimismo da bolsa norte-americana também está aumentando com os bons resultados (2º trimestre) que vem sendo divulgados. Até ontem, 84,6% dos resultados vieram acima das expectativas.

Hoje teremos outros resultados trimestrais importantes (empresas), com destaque para: Morgan Stanley, American Express e IBM.

Quanto aos indicadores e índices econômicos, teremos as 9:30 o número de Licenças de Construção, que tem expectativas de melhora para 1,330 milhões (anterior a 1,301M), que ajuda na interpretação do futuro recente para este setor, enquanto os dados de Construção de Casas Novas, com expectativas de piora (-2,2% na comparação mensal), trazem perspectivas do mês passado (jun).

Hoje o presidente Trump informou que o mundo pode esperar grandes resultados da reunião com Vladimir Putin. Esta pode ser apenas uma tentativa de se acalmar os ânimos.

Futuros operavam em alta fraca as 7:45 de hoje, com Nasdaq -0,09%, Dow Jones +0,02% e S&P 0,00%.

 

Treasuries e VIX nos EUA – 8h

Treasuries operavam estáveis a 0,00% para 2 anos, e com baixa de -0,20% para 10 anos (2,856). Enquanto isso, o Vix futuro estava em alta de 1,01% e CBOE vix em -0,17%.

Conforme informado anteriormente, existe uma maior cautela do mercado hoje, operando mais de lado. Os sinais de abertura apontando para mais de uma tendência definida confirmam este pensamento, pois temos futuros abrindo quase sem movimentação, yields dúbios e aumento de apenas um indicador de volatilidade (vix).

Economia Nacional

Ontem o Ibovespa fechou em alta de 1,93% (78.130 pontos), chegando ao maior patamar em 6 semanas, enquanto o dólar fechou em baixa de -0,49%, mediante a repercussão positiva do discurso do presidente do FED na terça-feira.

Hoje teremos a divulgação do Fluxo de Capital Estrangeira no país, que desde a semana de 20/06 só apresenta quedas, com último resultado em +2,034 Bilhões. Como a participação de estrangeiros é importante para o andamento da bolsa, principalmente das large caps, este dado torna-se relevante.

Política Nacional

Ontem, o governo informou que manterá para o dia 26/07 o leilão da Cepisa, que é distribuidora de energia elétrica da Eletrobas (ELET3) no Piauí. Outras cinco distribuidoras subsidiárias ficaram para 30 de agosto, segundo o Ministro do Planejamento.

Também na segunda-feira, o relator da Comissão Especial da Reforma Tributária, Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR), que espera que o Congresso nacional vote a reforma ainda antes das eleições. Em linha gerais, o texto propõe a simplificação do sistema tributário, criando impostos unificados.

Ontem o desembargador André Fontes, da 2º região (TRF2), suspendeu a liminar que impedia o leilão das seis distribuidoras da Eletrobras (ELET3), indo contra a decisão da 19ª Vara Federal do Rio de Janeiro.

Apesar da grande esperança do PT em indicar o ex-presidente Lula (preso) como candidato a presidente, há um crescente movimento para que Jaques Wagner o substitua. De maneira geral, sem Lula, mercado ficariam mais tranquilo apesar de sua chance real de candidatura ser baixa.

 

Recomendações Diárias Fundamentalistas

DJ Commodities em -0,18% as 7:45

Petróleo: ontem foi divulgado que a produção de petróleo na Bacia de Campus caiu 1,4% em junho (comparação mensal), chegando ao menor nível desde outubro de 2001. Este resultado é mais um que corrobora com a indicação de declínio de produção nos campus considerados maduros.

Durante sessão asiática, futuros do petróleo operavam em alta de maneira geral.

Teremos a divulgação da quantidade de Estoque de Petróleo Bruto nos EUA as 11:30. Expectativas de melhora para os estoques (-3,622M com anterior a -12,633M).

Brent em -0,57% e WTI em -0,58% as 7:45 desta manhã.

Na Europa (7:45) temos BP em 0,20% Shell -0,29% e Petrochina fechando em -0,27%.

Viés de baixa. (PETR4)

Minério: Vale (VALE3) informou ontem que fará uma provisão adicional no valor de R$ 1,5 bilhões no balanço do segundo trimestre para tratar das obrigações referente ao rompimento da barragem da mineradora Samarco em novembro de 2015.

Sem novidades para o setor, ações devem seguir tendência internacional e nacional, juntamente com movimentação do dólar e do minério.

Minério de ferro fechou em +0,43%, 466,00, na China.

Na Europa, Anglo American em -0,01% de alta e Rio Tinto em +0,70%, e BHP em +2,25% as 7:48.

Viés de alta. (VALE3/BRAP4).

Siderurgia: Sem novidades relevantes para o setor, ações devem seguir tendência internacional e nacional.

Em Londres, ArcelorMittal com alta de 1,07% as 7:48. Pares na Ásia, Nippon Steel -0,02% e Hesteel 0,00%.

Viés alta fraca, com indecisão das ações no exterior. (GGBR4/CSNA3/USIM5)

Paper e Pulp: Sem novidades para o setor, as ações devem seguir tendência internacional e nacional, juntamente com movimentação do dólar.

Dólar em pequena baixa na abertura (7:45), -0,11%.

Pulp & Paper Index Price em alta de 0,86%, 576,39.

Par asiático Oji Paper +0,73% e par europeu Stora Enso em +0,37% (7:49).

Viés de alta. (SUZB3/FIBR3/KLBN11)

Bancos: relatório da Moody’s Investors Service informou que uma maior diversificação de receitas e controles de custos ajudarão os resultados de Bradesco (BBDC4), ajudando a compensar margens menores, que esperam melhoras após aquisição de HSBC no Brasil. Um ponto negativo que chama atenção é que mesmo com as melhorias, Bradesco apresenta o maior índice de inadimplência entre os pares do setor.

Ontem o banco Itaú lançou o POP Credicard, novo terminal de pagamento para concorrer com as “maquininhas” da PagSeguro e Cielo, que já sofreram quedas ontem nos pregões de NY e Bovespa. O presidente da Rede também informou que optarão por medidas agressivas de concorrência. Ontem, após este anúncio, as ações da Itaú (ITUB4) tiveram alta e existe boa perspectiva para as mesmas hoje, caso não ocorra correção forte de início.

Viés baixa, considerando que pares podem sentir impactos deste lançamento. (BBAS3/BBDC4)

Extra 1: Ontem a Embraer informou ter fechado 7 acordos de vendas de jatos que chegariam a US$ 10 bilhões. Ontem as ações já apresentaram melhora após dias consecutivos de quedas fortes.

Dentre os clientes, se destaca o pedido da Azul (AZUL4) de 21 jatos E195-E2, chegando ao valor contratual de US$ 1,4 bilhão.

O calendário segue a divulgação da Bmf Bovespa, podendo as empresas divulgar seus dados com antecedência

Interaja conosco: opiniões, comentários, sugestões, sempre são bem vindos!

Email: global@upsideinvestor.com

0

Copyright by Upside Investor 2016.

Todos os direitos reservados.

Disclaimer

Este relatório foi preparado pela Upside Investor e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e/ou projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé.

Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Upside Investor.

(*) Conforme o artigo 16, parágrafo único, da ICVM 483, declaro ser inteiramente responsável pelas informações e afirmações contidas neste relatório de análise. Declaração do(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento), nos termos do art. 17 da ICVM 483. O(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento) envolvido(s) na elaboração deste relatório Ricardo Walendorff declara(m) que as recomendações contidas neste refletem  exclusivamente sua(s) opinião(ões) pessoal(is) sobre as companhias citadas e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma

Upside Investor

Email:

upside@upsideinvestor.com

Website:

www.upsideinvestor.com

Rua Dona Antônia de Queirós, 549/2

Tel: (11)-4117-2998

Você recebeu este email porque você assinou nossa newsletter, visitou nosso site ou adquiriu nossos relatórios.

Descadastrar