Boletim Eletrônico - Número 61, 12 de Julho de 2019

Fonte: Correio Braziliense

Com ajuda de Simone, criminalização do Caixa 2 avança

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), presidida pela Senadora Simone Tebet, aprovou o Projeto que criminaliza o Caixa 2 durante eleições. Passa a ser crime arrecadar, receber, manter, movimentar ou utilizar recursos financeiros não declarados na prestação de contas de campanhas com pena de dois a cinco anos de prisão. O projeto é um dos itens previstos no pacote anticrime idealizado pelo ministro da Justiça, Sergio Moro.

Via twitter, Moro elogiou a aprovação da matéria. “A CCJ do Senado aprovou o PL 1.865/2019 que melhor criminaliza o caixa dois em eleições. É uma das propostas do pacote anticrime e que foi replicada no Senado. Parabéns aos Senadores que demonstraram o desejo de mudar o país para melhor, com mais integridade na política. Maioria esmagadora na CCJ. Destaco, com a licença dos demais Senadores, a Senadora Simone Tebet, Presidente da CCJ, e o Senador Márcio Bittar, Relator do Projeto”.

Simone acredita que em agosto todo o pacote anticrime será analisado pelos senadores e encaminhado à Câmara.

Reforma da Previdência

Em entrevista ao programa Giro Estadual de Notícias, das Rádios do Grupo Feitosa, a senadora Simone Tebet (MDB-MS), presidente da Comissão de Constituição e Justiça, disse que a Reforma da Previdência deve tramitar no Senado por cerca de 60 dias.

Simone indica relator da Reforma Tributária

“A Reforma Tributária é urgente. Os brasileiros não querem mais ser reconhecidos como a população que mais paga impostos no mundo”

A senadora Simone Tebet acredita que o Senado deve acelerar a discussão e votação da Reforma Tributária em agosto. Ela indicou para relatar a matéria (PEC 110/2019) na CCJ o senador Roberto Rocha, líder do PSDB. A PEC foi apresentada pelo presidente do Senado, Davi Alcolumbre, em acordo com líderes partidários. Além deste texto, há outros projetos de senadores sobre pontos específicos e o governo estuda proposta para encaminhar à Câmara.

A ideia é simplificar a cobrança de impostos, fundindo ou extinguindo tributos, além de alterar as competências tributárias da União, estados, Distrito Federal e municípios.

Aprovado projeto de Simone que garante prioridade aos maiores de 80 anos no atendimento preferencial

A Comissão de Assuntos Sociais do Senado aprovou o projeto da senadora Simone Tebet que propõe que o atendimento aos idosos será realizado de forma prioritária aos maiores de 80 anos sobre todos os demais, e aos maiores de 70 anos sobre os maiores de 60 anos. O projeto será encaminhado à Câmara dos Deputados.

“Não é favor ao idoso que, em muitos casos, vê-se fragilizado pelo transcurso do tempo, mas um reconhecimento a quem dedicou uma longa vida à construção da nossa história. Um culto à sabedoria”

Facebook Twitter Youtube Instagram