As últimas atualizações da manhã pela Upside Investor.

Day Triggers

Ações e Informações para você investir

A Cara da Manhã

Economia Internacional

 

Escrito por:

Gabriel Cavaretto, Ricardo Walendorff e Shin Lai

Importante lembrar aos investidores que os mercados são voláteis e que nem sempre se movimentam conforme os fundamentos econômicos

Ásia

Destacamos para hoje apenas a quantidade de Investimento Estrangeiro em Ações Japonesas, que veio com bom volume, 76,5 bilhões, após já ter acumulado três resultados positivos seguidas.

Dia majoritariamente de baixas fortes na Ásia. Após quedas fortes nas bolsas de NY na quarta-feira, e a percepção de riscos mundiais ainda persistir (como vemos comentando a alguns relatórios), Tóquio caiu -3,72%, Hong Kong -1,01%, enquanto Xangai conseguiu se manter praticamente estável, com +0,02%. Esta última variou muito, mas os ganhos em setores como o financeiro e imobiliário, conseguiram segurar o pregão.

Europa

Na Alemanha, tivemos a Expectativa de Negócios com 99,8 (expectativa de piora para 100,3), Avaliação da Situação Atual com 105,9 (expectativa de piora para 106,0) e por fim, o mais importante, o Índice lfo de Clima de Negócios, com 102,8 (expectativa de 103,2). Resultados bem abaixo do esperado.

Na França, destaque apenas para o número de candidatos a emprego, que vem crescendo desde maio, atingiu agora 3.425,6 mil, apresentando uma leve redução.

Na UE, a importante Decisão sobre a Taxa de Juros (out), que se mantinha/mantém a 0,0% desde março de 2016. Os resultados serão divulgados as 8:45, mas as expectativas são de manter os juros em 0%, enquanto a Taxa de Facilidade Permanente de Depósito, deve se manter em -0,4%, e a Facilidade Permanente de Cedência de Liquidez em +0,25%). Ainda teremos a Coletiva de Imprensa do BCE, as 9:30, comentando sobre as decisões citadas e trazendo a leitura da situação econômica atual.

Mercados europeus continuaram a movimentação negativa asiática, com queda generalizada. Destacamos a queda de -0,83% de Frankfurt, de -0,36% de Paris e de -0,71% de Londres. As três bolsas citadas apresentavam boa recuperação durante a produção deste relatório, com algumas já fortemente positivas, como Paris com alta de mais de 1% (7:12).

Economia nos EUA

Ontem as bolsas de NY tiveram um tombo relativamente grande, como já era esperado. Analistas mundiais justificam a queda pelo aumento das tensões externas e não mostrarem resolução fácil (destaque para Brexti e orçamento italiano), redução do crescimento global e resultados abaixo do esperado nas divulgações do dia. Tentativas de atentados com bombas para importantes figuras, como Obama, George Soros e Hillary Clinton. Dow Jones fechou com -2,41%, S&P -3,09% e Nasdaq -4,43%.

--

As 09:30, teremos os números de Pedidos Iniciais e Contínuos por Seguro-Desemprego, com expectativas de piora para ambos, esperando 214 mil para o primeiro e 1.653 mil para o segundo.

Também as 9:30, teremos a prévia do Transporte de Bens de Capital (mensal), com resultado anterior em -0,2%, o Núcleo de Pedido de Bens Duráveis (mensal/set), com expectativa de +0,5%, o Pedido de Bens Duráveis (mensal/set), com expectativa de -1,0%. Estes tipos de bens são importantes para indicar a resiliência de economia norte-americana, pois bens de capital estão diretamente ligados a capacidade produtiva do país, enquanto os bens duráveis indicam a melhora geral da situação da população, visto que são bens comprados apenas após preencher os “requisitos” mais básicos de consumo.

No mesmo horário ainda teremos os resultados da Balança Comercial de Bens (set), com expectativa de melhorar um pouca o saldo negativo para -74,9 bilhões.

Sobre os resultados trimestrais, destacamos os bons resultados da Microsoft, Tesla e Ford. Para hoje, antes da abertura do mercado norte-americano, teremos os resultados de: Altria, Shopify, Nokia, Twitter, Raytheon, Grubhub, American Airlines e Southwest.

Futuros operavam em alta as 7:45h de hoje, com Nasdaq +1,22%, Dow Jones +0,61% e S&P +0,71%.

Treasuries e VIX nos EUA – 7:45

Treasuries operavam de maneira dúbia, com -0,15% para 2 anos, e +0,19% para 10 anos (3,13). Enquanto isso, o Vix futuro estava em -1,70% e CBOE vix em -6,50%.

Pela movimentação positiva dos futuros, relativamente positiva dos yield, enquanto os indicadores volatilidade (vix) operavam em baixa, o cenário de abertura da bolsa norte-americana é positivo, com bons resultados no pós fechamento e melhora das expectativas europeias ajudando na recuperação.

Economia Nacional

No início da manhã, foi divulgado o IPC da 3ª quadrissemana de SP, apresentando alta de +0,52%. Dentre as maiores altas, destacamos: alimentação (0,27%) e transportes (0,10%).

Hoje as 9:30, teremos a expectativa dos resultados do saldo das Transações Correntes (set/US$), com expectativa de 0,39 bilhões (anterior em -0,72 bilhões). Também teremos o Investimento Direto Estrangeiro (US$), com resultado anterior em 10,61 bilhões, e expectativa de 7 bilhões para setembro.

Política Nacional

Bolsonaro e sua equipe continuaram a receber nomes importantes para a economia nacional. Segunda-feira, o candidato a presidente e Onyx (provável nome para Casa Civil), receberam o diretor da Aneel, juntamente com um grupo de especialistas de energia. Segundo a Reuters, no documento recibo sobre a reunião, o foco foi tratar de possíveis subsídios para as contas de luz, redução de tarifas, conclusão da privatização da ELET3 e aprimoramento do marco regulatório. Também ocorreu uma reunião com o presidente da Abegás e outros, com reinvindicações em prol da Petrobras

Recomendações Diárias Fundamentalistas

Recomendações fundamentalista

O Ibovespa futuro sinaliza que teremos um pregão de ligeira alta +1,08%. No exterior também a expectativa é de alta para os principais pregões S&P500 Futuros em alta de +0,74%

DJ Commodities em +0,07% as 7:45

Petróleo: a Abep – Associação Brasileira de Empresas de Exploração e Produção de Petróleo e Gás – entrou com mandato de segurança coletivo contra o Amazonas, para se proteger das mudanças de um decreto estadual que alterou as cobranças do ICMS, aumentando inclusive o imposto de 12% para 25% e outros mecanismos que seriam “incompatíveis com as regras constitucionais”, segundo a Abep, na quarta-feira.

Brent em +0,33% e WTI em +0,09% as 7:45 desta manhã.

Na Europa (7:34) temos BP em -0,07%, Shell -0,42% e Petrochina -0,36%.

Futuros caíram durante a sessão asiática.

Viés de alta moderada, com indefinição de movimentação externa e pouca mudança interna (PETR4).

Minério: após o fechamento do pregão de ontem, foi divulgado o resultado trimestral de Vale. A Receita Líquida aumentou 32,39% (R$ 37,86 bilhões), enquanto a Dívida Líquida caiu 35,76%, ambos na comparação anual. Mesmo com esses dados positivos, o Lucro apresentou queda de 21,70%, atingindo R$ 5,61 bilhões.

Também na quarta-feira, foi informado que a Vale aprovou o investimento de 1,1 bilhão de dólares para ampliar a mina de cobre Salobo, na busca de se preparar para maior consumo do metal com o crescimento dos veículos elétricos.

Minério de ferro fechou a 532,00 na China, com variação de +0,85%.

Dólar estava +0,00% as 7:45, cotado a R$ 3,73. Ontem a moeda norte-americana fechou o dia em +1,03%, cotada a R$ 3,73 a mercado.

Na Europa (Londres), Anglo American com +1,86%, Rio Tinto em +1,35% e BHP em +0,81%, as 7:35.

Viés de alta, com provável influência positiva do exterior, enquanto o resultado de Vale trouxe valores razoáveis (VALE3/BRAP4).

Siderurgia:

Em Londres, ArcelorMittal em +1,66% (7:38). Na Ásia, tivemos o fechamento de Nippon Steel com -4,03%, Hesteel -0,64% e Baoshan +1,34%.

Viés baixa moderada, pela movimentação dúbia no exterior e desempenho bem ruim no dia anterior que pode influenciar o andamento de hoje (GGBR4/CSNA3/USIM5).

Paper e Pulp: ontem os resultados trimestrais de Fibria e movimentação interna e externa ajudaram as ações a fecharem com bons ganhos, mas analistas acreditam que resultados trimestrais pouco acima das expectativas não devem afetar os pregões.

Dólar estava +0,00% as 7:45, cotado a R$ 3,73. Ontem a moeda norte-americana fechou o dia em +1,03%, cotada a R$ 3,73 a mercado.

Pulp & Paper Index Price fechou o dia com leve baixa de -2,40%, atingindo 573,43.

Dos principais pares, o japonês Oji Paper fechou em -2,67%, enquanto o par europeu Stora Enso estava em +1,94% as 7:39.

Se os resultados seguirem as expectativas, Fibria deve puxar as ações de Suzano também. Então, viés de baixa moderada, pela movimentação negativa do setor no exterior, e provável queda do dólar para hoje (SUZB3/FIBR3/KLBN11).

Bancos:

Viés alta moderada, por NY se mostrar mais positiva para o dia de hoje, enquanto fatores internos ficam focados nos resultados trimestrais (BBAS3/ITUB4/BBDC4).

Localiza (RENT3) – Localiza apresentou resultado interessante, com aumento da Receita Líquida em 32,60% (R$ 2,07 bilhões), a Dívida Líquida subiu 46,6% (R$ 4,75 bilhões), e fechou com Lucro Líquido de R$ 159,85 milhões (alta de 29,78% na comparação anual). O agregado dos resultados indica viés de alta para as ações.

Via Varejo VVAR11 –  apresentou um aumento de Receita Líquida de 4,39% (R$ 6,38 bilhões), Dívida Líquida aumentou 2,12% (R$ 3,38 bilhões), enquanto o Lucro Líquido foi negativo, com -R$79 milhões (anterior com +R$ 46 milhões), todos fazendo referência a comparação anual. Viés de baixa.

 

O calendário segue a divulgação da Bmf Bovespa, podendo as empresas divulgar seus dados com antecedência

Interaja conosco: opiniões, comentários, sugestões, sempre são bem vindos!

Email: global@upsideinvestor.com

Copyright by Upside Investor 2016.

Todos os direitos reservados.

Disclaimer

Este relatório foi preparado pela Upside Investor e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e/ou projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé.

Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Upside Investor.

(*) Conforme o artigo 16, parágrafo único, da ICVM 483, declaro ser inteiramente responsável pelas informações e afirmações contidas neste relatório de análise. Declaração do(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento), nos termos do art. 17 da ICVM 483. O(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento) envolvido(s) na elaboração deste relatório Ricardo Walendorff declara(m) que as recomendações contidas neste refletem  exclusivamente sua(s) opinião(ões) pessoal(is) sobre as companhias citadas e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma

Upside Investor

Email:

upside@upsideinvestor.com

Website:

www.upsideinvestor.com

Rua Dona Antônia de Queirós, 549/2

Tel: (11)-4117-2998

Você recebeu este email porque você assinou nossa newsletter, visitou nosso site ou adquiriu nossos relatórios.

Descadastrar