As últimas atualizações da manhã pela Upside Investor.

Day Triggers

Ações e Informações para você investir

A Cara da Manhã

Economia Internacional

Importante lembrar aos investidores que os mercados são voláteis e que nem sempre se movimentam conforme os fundamentos econômicos

Ásia

Sem notícias importantes para a Ásia, bolsa fecharam em queda generalizada, com maior destaque para Xangai, com queda de -0,53%, chegando a 2.772,55 pontos. O Xangai Composite apresenta uma tendência de queda constante desde o início do ano (29/01/2018), com poucas recuperações, chegando a uma queda acumulada desde o início do ano de mais de 17%.

 

Europa

Tivemos a divulgação de resultados para o Varejo no R. Unido, trazendo valores abaixo de esperados de maneira geral, com anual a 2,9% (expectativa 3,9%), e mensal a -0,5% (expectativa 0,1%). Analistas britânicos consideram que estes resultados apenas reduzem o otimismo para o crescimento, além de provocar ajustes para previsões de inflação.

 

Economia nos EUA

Ontem o S&P fechou com alta de 0,22%, alcançando máxima dos últimos cinco meses, com bons resultados trimestrais das empresas e sem novidades para as expectativas do Fed, após declarações do presidente nesta terça-feira.

Hoje teremos a divulgação do número de Pedidos Iniciais de Seguro-Desemprego, com expectativas de piora para 220 mil (anterior 214 mil). Outra importante divulgação será do Índice de Atividade Industrial Fed Filadélfia (jul), as 9:30, que tem expectativa de melhora para 21,6 (anterior 19,9).

Quanto aos resultados trimestrais, destaque para os da Microsoft, Advanced Micro Devices e Blackstone.

Futuros operavam em queda as 7:45 de hoje, com Nasdaq -0,31%, Dow Jones -0,19% e S&P -0,24%. Futuros em queda podem ser justificados pelas altas recentes, ou seja, uma pequena correção pode ocorrer.

 

Treasuries e VIX nos EUA – 8h

Treasuries operavam em alta, com +0,49% para 2 anos, e com +0,57% para 10 anos (2,891). Enquanto isso, o Vix futuro estava em alta de 1,36% e CBOE vix em 3,22%.

Pela movimentação negativa dos futuros, yields e volatilidade (vix) em alta, os sinais de abertura são dúbios, com futuros e vix mostrando maior preocupação, enquanto yields apontam sinal inverso.

 

Economia Nacional

Ontem o Ibovespa fechou em alta de 1,93% (78.130 pontos), chegando ao maior patamar em 6 semanas, enquanto o dólar fechou em baixa de -0,49%, mediante a repercussão positiva do discurso do presidente do FED na terça-feira.

Hoje teremos a divulgação do Fluxo de Capital Estrangeira no país, que desde a semana de 20/06 só apresenta quedas, com último resultado em +2,034 Bilhões. Como a participação de estrangeiros é importante para o andamento da bolsa, principalmente das large caps, este dado torna-se relevante.

Ontem o Ibovespa fechou em queda de 0,98%, após quatro altas seguidas, chegando a 77.362,63 pontos. A movimentação principal se deu negativamente pelos Bancos e Ambev.

Ontem foi divulgado o saldo de investidores estrangeiros na Bovespa, com crescimento do fluxo, chegando a R$ 3,823 Bilhões (anterior em 2,034 Bilhões). Esta recuperação traz um fluxo maior que a primeira semana do mês (3,71B), e mais próximo a última semana do mês anterior (4,657B).

Importante ressaltar também que ontem foi divulgado através da auditoria do TCU (Tribunal de Contas da União) que o patamar da dívida bruta nacional está crescendo mais fortemente que os demais países do G7 no período estudado, com perspectivas ainda piora se comparar aos pares do BRICS.

Hoje um importante banco de investimento, após a avaliação conhecida como HOLT, indicando os ativos que tendem a cair e a subir. Dado peso que casa possui no mercado, vamos monitorar.

Na ponta positiva temos: Qualicorp (QUAL3), Estácio (ESTC3), Via Varejo (VVAR11), BR Malls (BRML3), Energias do Brasil (ENBR3), Gol (GOLL4), CVC (CVCB3), Localiza (RENT3) e Bradesco(BBDC4).

Na negativa: BRF(BRFS3), Embraer, CCR (CCRO3), Ultrapar (UGPA3), Marfrig (MRFG3), B2W (BTOW3), Cyrela (CYRE3), Eletrobras (ELET3), Rumo (RAIL3) e Klabin (KLBN11).

Política Nacional

Ontem o partido PTB anunciou formalmente o apoio a candidatura a presidente de Alckmin, considerando que o pré-candidato é capaz de pacificar o país que vive um momento de “bomba-relógio”.

Dificuldades para formarem coalisões e alianças, fez com que grande parte dos partidos empurrassem para o fim do prazo legal a realização das convenções partidárias.

Algo interessante neste ponto da prorrogação foi a indefinição geral, tanto nas pesquisas, quanto nas alianças, tornando estas eleições uma das mais indefinidas da história, mais que a de 1989, que sempre é utilizada para compara com a atual.

Ainda ontem, o relator do caso “golden shares) no TCU, ministro José Múcio Monteiro, afirmou que o governo pode optar por deixar de ter essas ações, caso seja apresentado o porquê. Apesar de ainda não ter sido votado, esta desistência traria impactos positivos para empresas que o governo tem hoje as golden shares: Vale (VALE3), Embraer (EMBR3) e IRB (IRBR3).

Recomendações Diárias Fundamentalistas

DJ Commodities em -0,95% as 7:45

Petróleo: diretor da Petrobras informou ontem que pretendem iniciar as operações de quarto novas plataformas entre outubro e dezembro, sendo que todas seriam na área do pré-sal na Bacia de Santos.

Durante sessão asiática, futuros do petróleo operavam em queda de maneira geral.

Teremos a divulgação da quantidade de Estoque de Petróleo Bruto nos EUA as 11:30. Expectativas de melhora para os estoques (-3,622M com anterior a -12,633M).

Brent em -1,19% e WTI em -1,48% as 7:45 desta manhã.

Na Europa (7:45) temos BP em 0,18% Shell 0,73% e Petrochina fechando em -0,55%.

Viés de baixa. (PETR4)

Minério: sem novidades para o setor, ações devem seguir tendência internacional e nacional, juntamente com movimentação do dólar e do minério.

Minério de ferro fechou em +0,97%, 470,50, na China.

Na Europa, Anglo American em -1,93% de alta e Rio Tinto em -1,01%, e BHP em -1,50% as 7:46.

Viés de baixa. (VALE3/BRAP4).

Siderurgia: foi indicado nesta quarta-feira o novo presidente da Usiminas, o engenheiro Carlos Rezzonico, que está na empresa desde 2016. Usiminas está sem presidente desde a saída (pedido de demissão) do último presidente, em junho.

Sem outras notícias relevantes para o setor, ações devem seguir tendência internacional e nacional, mesmo com a indicação do novo presidente para USIM5.

Em Londres, ArcelorMittal em -0,91% as 7:52. Pares na Ásia, Nippon Steel 0,80% e Hesteel 0,36%.

Viés baixa fraca, com indecisão das ações no exterior. (GGBR4/CSNA3/USIM5)

Paper e Pulp: ações deste setor foram impactadas ontem, após a consultoria RISI divulgar que a China pode proibir totalmente a importação de RCP (recovered paper). De maneira geral este veto está dentro dos esforços do país para conter a poluição.

Analistas ainda acreditam que pode ser um bom momento para as empresas do setor, indicando alta para perspectivas mais longas, mas acreditamos que no curto prazo as ações continuarão “em turbulência”.

Dólar estável na abertura (7:45).

Pulp & Paper Index Price em -1,71%, 566,54.

Par asiático Oji Paper -1,30% e par europeu Stora Enso em -0,57% (7:55).

Viés de baixa. (SUZB3/FIBR3/KLBN11)

Bancos: sem novidades para o setor, ações devem seguir tendência da bolsa nacional.

Viés baixa. (BBAS3/ITUB4/BBDC4)

Extra 1: ontem o BNDES confirmou que o leilão de privatização da Cepisa (energética do Piauí), que é a distribuidora do Piauí, para dia 26 de julho.

 

O calendário segue a divulgação da Bmf Bovespa, podendo as empresas divulgar seus dados com antecedência

Interaja conosco: opiniões, comentários, sugestões, sempre são bem vindos!

Email: global@upsideinvestor.com

0

Copyright by Upside Investor 2016.

Todos os direitos reservados.

Disclaimer

Este relatório foi preparado pela Upside Investor e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e/ou projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé.

Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Upside Investor.

(*) Conforme o artigo 16, parágrafo único, da ICVM 483, declaro ser inteiramente responsável pelas informações e afirmações contidas neste relatório de análise. Declaração do(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento), nos termos do art. 17 da ICVM 483. O(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento) envolvido(s) na elaboração deste relatório Ricardo Walendorff declara(m) que as recomendações contidas neste refletem  exclusivamente sua(s) opinião(ões) pessoal(is) sobre as companhias citadas e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma

Upside Investor

Email:

upside@upsideinvestor.com

Website:

www.upsideinvestor.com

Rua Dona Antônia de Queirós, 549/2

Tel: (11)-4117-2998

Você recebeu este email porque você assinou nossa newsletter, visitou nosso site ou adquiriu nossos relatórios.

Descadastrar