As últimas atualizações da manhã pela Upside Investor.

Day Triggers

Ações e Informações para você investir

A Cara da Manhã

Economia Internacional

 

Escrito por:

Gabriel Cavarettoe Shin Lai

Importante lembrar aos investidores que os mercados são voláteis e que nem sempre se movimentam conforme os fundamentos econômicos

Ásia

Dia misto para os mercados asiáticos desta quinta-feira, com Tóquio e Hong Kong caindo respectivamente -0,65% e -0,85%, enquanto houve ganhos leves de +0,14% na bolsa de Xangai.

Tirando o Japão que teve influência negativas internas que afetaram as ações do setor automotivo de maneira mais contundente, as principais bolsas da Ásia sentiram a preocupação que o processo que a Huawei decidiu realizar contra os EUA, ao alegar que a lei norte-americana que a impede de vender equipamentos para agências governamentais é inconstitucional. Esse processo afeta diretamente o andamento da questão comercial sino-norte-americana, ainda mais após o grande déficit da balança comercial anunciada pelos EUA na quarta-feira.

Europa

Em dia de expectativa para dados econômicos importantes, mercados europeus abriram com queda generalizada, com Frankfurt recuando em -0,36%, Paris em -0,13% e Londres em -0,26%.

Dentre os dados divulgados hoje, destacamos o grande aumento dos preços dos imóveis para a terra da rainha, o PIB da zona do euro que cresceu 1,1% no quarto trimestre (0,1 ponto abaixo do esperado), fechando o ano com crescimento de 1,8%. Outro número positivo foi os empregos de 2018 na zona do euro, que cresceu 1,3% no último trimestre, superando as expectativas. Dados mais positivos devem estimular os mercados europeus.

Economia nos EUA

O presidente do Fed de Nova York, John Williams, informou que ainda não é possível afirmar quando será o fim do ciclo de redução de balanço patrimonial por parte do Fed, banco central norte-americano, ou seja, ainda não há concordância para o Fed parar de reduzir a liquidez do mercado. J. Williams enfatizou que apesar do bom momento da economia dos EUA, ainda há risco externo relevante e político que preocupam.

--

Futuros operavam em baixa as 07:45 de hoje, com Nasdaq -0,57%, Dow Jones -0,22% e S&P -0,30%.

Treasuries e VIX nos EUA – 07:45

Treasuries operavam em baixa, com -0,4% para 2 anos, e -0,22% para 10 anos (2,686). Enquanto isso, o Vix futuro estava em +2,18% e CBOE vix em +4,45%.

Pela movimentação negativa dos futuros e dos yield, enquanto os indicadores volatilidade (vix) operavam com ganhos, cenário inicial da bolsa norte-americana indicado é de novamente de pessimismo, seguindo a tendência de uma semana complicada.

Economia Nacional

Indicadores dúbios para situação empresarial de São Paulo demonstram a dificuldade da economia engrenar em um crescimento mais vertiginoso, isso porque o Índice de Confiança do Empresário do Comércio no Município de São Paulo (Icec) apresentou o sexto mês de ganho consecutivo, fechando fevereiro com alta de 3%, enquanto o  Índice de Investimento do Empresário do Comércio (IIEC) apresentou leve queda de -0,08%.

--

Divulgado o IPC-Fipe nesta manhã, apurando alta de 0,54% para São Paulo em fevereiro, vindo 0,4 pontos abaixo do registrado em janeiro. O crescimento foi puxado principalmente pelo grupo de alimentos, enquanto houve deflação mais acentuada das despesas pessoais.

--

Hoje também existe a expectativa para a divulgação do PMI de serviços e compostos referentes ao mês de fevereiro.

Política Nacional

Sem novidade políticas relevantes, ainda com maior foco da imprensa para o vídeo postado por Bolsonaro em sua conta do Twitter, enquanto assessores e apoiadores tentam minimizar o ocorrido.

Conheça Upside Advisory: Aconselhamento individualizado para seus investimentos em ações, fundos e renda fixa. Aumente seu patrimônio com Upside

Advisory Upside Investor

Recomendações Diárias Fundamentalistas

Mercado locais e internacionais apontam abertura perto da neutralidade

Acreditamos em uma reversão positiva para Petrobras dado a força do WTI que sobe +1%

Recomendações fundamentalista

DJ Commodities em +0,19% as 07:45

Petróleo:

Futuros do petróleo subiram durante sessão asiática.

Brent em +0,59% e WTI em +0,74% as 07:45 desta manhã.

Na Europa (08:14) temos BP em +0,06%, Shell em -0,38% e fechamento de Petrochina com -0,5%.

Viés de alta moderada, com movimentação externa do setor com potencial manter a alta de ontem (PETR4).

Minério:

Dólar estava +0,02% as 07:45, cotado a R$ 3,8403, após a semana passada fechar em R$ 3,8303 (-0,24%).

Na Europa (bolsa de Londres), Anglo American com -1,1%, Rio Tinto em -7,41% e BHP em -2,9%, as 08:15.

Viés de baixa moderada, pela dominância negativa dos pares externos, enquanto houve alta de +0,73% do minério na China (VALE3/BRAP4).

Siderurgia:

Em Londres, ArcelorMittal em -2,59% (08:16). Na Ásia, Nippon Steel, do Japão, fechou variando -1,16%, enquanto na China Hesteel e Baoshan fecharam em -0,28% e -0,51%, respectivamente.

Viés baixa moderada, mantendo o entendimento de complicações no setor, dia tenso na parte externa, apesar dos ganhos nos preços do vergalhão de aço na Ásia (GGBR4/CSNA3/USIM5).

Paper e Pulp: ontem a Klabin anunciou o cancelamento da assembleia de acionistas que decidiria a questão da incorporação da Sogemar, que detém o direito de explorar marcas de titularidade da Sogemar, entre elas o próprio nome Klabin, mediante o pagamento de royalties. O cancelamento ocorreu por causa da discordância de um investidor ao negócio que eliminaria a necessidade da empresa pagar os royalties.

Dólar estava +0,02% as 07:45, cotado a R$ 3,8403, após a semana passada fechar em R$ 3,8303 (-0,24%).

Pulp & Paper Index Price variou -0,21%, fechando a 564,81.

Dos principais pares, o japonês Oji Paper variou -0,46%, enquanto os pares europeus Stora Enso estava em -2,54% e UPM em -1,97%, as 08:17.

Para hoje, acreditamos no viés de alta moderada para Suzano e baixa para Klabin (SUZB3/KLBN11).

Bancos:

Viés de baixa, novamente por movimentação interna e externa não serem positivas para a bolsa em geral (BBAS3/ITUB4/BBDC4).

 

GOLL4 – a companhia aérea Gol informou que o mês de fevereiro fechou com alta de 2,9% da taxa média de ocupação dos voos. O grande destaque foram os voos internacionais, que apresentaram crescimento de 17,8% do tráfego de passageiros, enquanto a oferta subiu 23,8%. Viés de alta

 

AZUL4 – a companhia aérea Azul também divulgou dados, informando o crescimento de 18,9% da taxa de procura enquanto a oferta subiu 16,9%. A taxa de ocupação subiu 1 ponto percentual, atingindo 81,1%. Voos domésticos cresceram 24,4% e os internacionais apenas 1,3%. Viés de alta

 

O calendário segue a divulgação da Bmf Bovespa, podendo as empresas divulgar seus dados com antecedência

Interaja conosco: opiniões, comentários, sugestões, sempre são bem vindos!

Email: global@upsideinvestor.com

Copyright by Upside Investor 2016.

Todos os direitos reservados.

Disclaimer

Este relatório foi preparado pela Upside Investor e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e/ou projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé.

Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Upside Investor.

(*) Conforme o artigo 16, parágrafo único, da ICVM 483, declaro ser inteiramente responsável pelas informações e afirmações contidas neste relatório de análise. Declaração do(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento), nos termos do art. 17 da ICVM 483. O(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento) envolvido(s) na elaboração deste relatório Ricardo Walendorff declara(m) que as recomendações contidas neste refletem  exclusivamente sua(s) opinião(ões) pessoal(is) sobre as companhias citadas e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma

Upside Investor

Email:

upside@upsideinvestor.com

Website:

www.upsideinvestor.com

Rua Dona Antônia de Queirós, 549/2

Tel: (11)-4117-2998

Você recebeu este email porque você assinou nossa newsletter, visitou nosso site ou adquiriu nossos relatórios.

Descadastrar