As últimas atualizações da manhã pela Upside Investor.

Day Triggers

Ações e Informações para você investir

A Cara da Manhã

Feliz Dia das Mulheres a todas investidoras que buscam mais Upside!

Economia Internacional

 

Escrito por:

Gabriel Cavarettoe Shin Lai

Importante lembrar aos investidores que os mercados são voláteis e que nem sempre se movimentam conforme os fundamentos econômicos

Ásia

Bolsas asiáticas fecharam o último dia da semana em baixa, com a bolsa de Xangai fechando a -4,4%, de Hong Kong a -1,91% e a de Tóquio a -2,01%. Essa queda resulta em novas preocupações com relação a questão comercial entre China e EUA, que aparenta não ter resolução tão rápida quanto o esperado, junto com dados ruins sobre a balança comercial chinesa de fevereiro, com queda de quase 21% das exportações (comparação anual) e de queda de 5,2% das importações. Japão divulgou dados econômicos relevantes e relativamente positivos, como o PIB que superou o esperado ao crescer 1,9% na comparação anual do quarto trimestre, mas não foi o suficiente para animar os mercados locais e asiáticos em geral.

 

Europa

Em meio aos dados indicando dificuldade de crescimento do PIB e da inflação na UE, ao passa que o desemprego ainda não caiu como o desejado, o BCE (Banco Central Europeu) cortou suas projeções de crescimento econômico para o bloco e definiu que fará novos estímulos para impulsionar a economia, como é o caso dos empréstimos de baixo custo à bancos.

Seguindo o pessimismo identificado na Ásia e seus problemas internos, principalmente após serem elucidados pelo BCE, bolsas europeias abriram o dia em queda generalizada, com Frankfurt em -0,71%, Paris em -0,67% e Londres em -0,61%. A moeda do bloco europeu, o euro, também vem sofrendo com esse pessimismo para a UE, atingindo ontem a mínima em dois anos, contra o dólar e diversas moedas de peso internacional.

Economia nos EUA

Wall Street Journal divulgou uma entrevista com o embaixador americano para a China, Terry Branstad, trazendo maiores preocupações, com Branstad dizendo que ainda não há preparativos para uma reunião de cúpula entre os presidentes Donald Trump e Xi Jinping para resolver o atual conflito comercial, uma vez que nenhum dos lados acredita que um acordo seja iminente, embora ambos os lados seguem esperançosos com um fechamento.

--

Futuros operavam em baixa as 07:45 de hoje, com Nasdaq -0,56%, Dow Jones -0,41% e S&P -0,42%.

Treasuries e VIX nos EUA – 07:45

Treasuries operavam em alta, com +0,09% para 2 anos, e +0,19% para 10 anos (2,641). Enquanto isso, o Vix futuro estava em +2,63% e CBOE vix em +4,7%.

Pela movimentação negativa dos futuros, positiva dos yield, enquanto os indicadores volatilidade (vix) operavam com ganhos, cenário inicial da bolsa norte-americana indicado é confuso, apesar da dominância negativa, como é identificado nas demais bolsas mundiais.

Economia Nacional

Em meio a tensão internacional e movimentos internos ainda complicados e sem definição clara da previdência, a relação cambial de real/dólar segue subindo, aproximando-se da marca de R$ 3,90 (máxima de ontem foi 3,897).

Política Nacional

Na quinta-feira, finalmente anunciaram quem ocupará o cargo de presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara dos Deputados, que tratará da presidência. O escolhido foi o deputado Felipe Francischini (PSL-PR), que deve “lutar” para conseguir o aval da CCJ. Apesar de jovem, Francischini já possui experiência de Assembleia Legislativa, gosta do assunto e vai ser apoiado pela Bia Kicis que vai ser a vice-presidente dessa composição.

Mesmo com a definição da presidência do CCJ e com a data de início da comissão para a próxima semana, congressistas não acreditam que a proposta caminhará se não for anunciada da proposta da previdência que engloba os militares, como afirmou o líder do PSL na Câmara, Delegado Waldir (GO).

--

Bolsonaro afirmou que espera que a proposta da previdência enviada por ele e sua equipe não seja tão desidratada que inviabilize atingir os objetivos, lembrando que é algo necessário e que não deseja que o Brasil sofra como a Grécia sofreu com situação similar. Outro ponto defendido pelo presidente foi que com a reforma, será possível o Estado gastar mais com outras áreas como saúde e educação, além de estabilizar as contas públicas o que proporcionaria uma reforma tributária mais rígida.

Por fim, algo que deve animar os mercados no dia de hoje, foram as falas de Bolsonaro indicando que os militares entrarão na reforma da previdência (mantendo suas especificidades), além de englobar os políticos, dizendo que  "O parlamentar vai se aposentar com o teto do INSS, em torno de R$ 5,8 mil, assim como as demais categorias".

Conheça Upside Advisory: Aconselhamento individualizado para seus investimentos em ações, fundos e renda fixa. Aumente seu patrimônio com Upside

Advisory Upside Investor

Recomendações Diárias Fundamentalistas

Mercados internacionais absorvem os dados de queda das exportações chinesas, fator este que colocou as bolsas chineses e europeias para baixo, acreditamos que Brasil não deve escapar, nem EUA

O dia será oportunidade de compra, papéis como Vale, e Petrobras devem assimilar mais o efeito, bem como as ações de siderúrgicas, aproveita a queda para se posicionar e venda na reversão dos próximos dias

Recomendações fundamentalista

DJ Commodities em -0,49% as 07:45

Petróleo: o mês de janeiro de 2019 fechou com recuou de 2,2% da produção de petróleo no país, se comparado a dezembro, enquanto houve crescimento de 0,6% na comparação anual. A principal justificativa da queda, foram paradas para manutenção nas plataformas P-74 e FPSO, respectivamente nos campos de Búzios e Sapinhoá, localizados na Bacia de Santos, em áreas do pré-sal.

Futuros do petróleo caíram durante sessão asiática.

Brent em +0,59% e WTI em +0,74% as 07:45 desta manhã.

Na Europa (07:52) temos BP em -1,50%, Shell em -1,67% e fechamento de Petrochina com -3,53%.

Viés de baixa moderada, por a movimentação mais positiva de ontem não ocorrer, enquanto ainda seguimos com pessimismo para o setor externamente e internamente ainda sem novidades impactantes (PETR4).

Minério:

Dólar estava +0,01% as 07:45, cotado a R$ 3,8709, após fechar o dia de ontem em R$ 3,8701 (+0,79%).

Na Europa (bolsa de Londres), Anglo American com -2,4%, Rio Tinto em -1,52% e BHP em -1,18%, as 07:57.

Viés de baixa moderada, pela dominância negativa dos pares externos, enquanto houve queda de -0,65% do minério na China (VALE3/BRAP4).

Siderurgia:

Em Londres, ArcelorMittal em -3,92% (07:52). Na Ásia, Nippon Steel, do Japão, fechou variando -1,38%, enquanto na China Hesteel e Baoshan fecharam em -6,96% e -5,54%, respectivamente.

Viés baixa moderada, com o setor apresentando poucas novidades e despencando externamente, influenciados principalmente por resultados ruins da China, bem como a queda do vergalhão de ferro na Ásia (GGBR4/CSNA3/USIM5).

Paper e Pulp:

Dólar estava +0,01% as 07:45, cotado a R$ 3,8709, após fechar o dia de ontem em R$ 3,8701 (+0,79%).

Pulp & Paper Index Price variou -2,41%, fechando a 551,21.

Dos principais pares, o japonês Oji Paper variou -2,74%, enquanto os pares europeus Stora Enso estava em -2,36% e UPM em -0,84%, as 7:54.

Para hoje, acreditamos no viés de alta moderada com o entendimento de boa movimentação deste setor em dias tensos (SUZB3/KLBN11).

Bancos:

Viés de alta moderada, pois acreditamos que houve queda exagerada nos últimos dias, o setor esboçou alguma recuperação ontem e acreditamos em alguma movimentação positiva após falas sobre a previdência (BBAS3/ITUB4/BBDC4).

Ferbasa (FESA4) fechou o ano de 2018 com lucro líquido 14,4% acima do registrado em 2017. A receita bruta cresceu 24,6%, o Ebtida 18,6% (374,3 milhões de reais). A produção de ferroligas também crescendo, fechando 2018 com alta de 11,6%. Viés de alta moderada. Dois fatores podem impactar a ação no pregão hoje, as recentes altas da empresa e os dados de menores crescimento internacional

O calendário segue a divulgação da Bmf Bovespa, podendo as empresas divulgar seus dados com antecedência

Interaja conosco: opiniões, comentários, sugestões, sempre são bem vindos!

Email: global@upsideinvestor.com

Copyright by Upside Investor 2016.

Todos os direitos reservados.

Disclaimer

Este relatório foi preparado pela Upside Investor e está sendo fornecido exclusivamente com o objetivo de informar. As informações, opiniões, estimativas e/ou projeções referem-se à data presente e estão sujeitas à mudanças como resultado de alterações nas condições de mercado, sem aviso prévio. As informações utilizadas neste relatório foram obtidas das companhias analisadas e de fontes públicas, que acreditamos confiáveis e de boa fé.

Nenhuma parte deste relatório pode ser copiada ou redistribuída sem prévio consentimento da Upside Investor.

(*) Conforme o artigo 16, parágrafo único, da ICVM 483, declaro ser inteiramente responsável pelas informações e afirmações contidas neste relatório de análise. Declaração do(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento), nos termos do art. 17 da ICVM 483. O(s) analista(s) de valores mobiliários (de investimento) envolvido(s) na elaboração deste relatório Ricardo Walendorff declara(m) que as recomendações contidas neste refletem  exclusivamente sua(s) opinião(ões) pessoal(is) sobre as companhias citadas e seus valores mobiliários e foram elaboradas de forma independente e autônoma

Upside Investor

Email:

upside@upsideinvestor.com

Website:

www.upsideinvestor.com

Rua Dona Antônia de Queirós, 549/2

Tel: (11)-4117-2998

Você recebeu este email porque você assinou nossa newsletter, visitou nosso site ou adquiriu nossos relatórios.

Descadastrar